segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Lucilene, nossa Luci, partiu no Natal...

Se questionada, ela provavelmente diria:

Quer data melhor que o Natal?

Renovação, inicio de uma nova vida...

alto astral... muita energia...”

Luci, incansável batalhadora, não existe palavras para expressar nosso sentimento neste momento.

Por isto, escolhi este trecho para você:

http://www.youtube.com/watch?v=fRWov2pdJkE

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

O pais do futuro não sabe matemática

fonte: OCD DATA BASE: http://www.oecd.org/dataoecd/54/12/46643496.pdf

A visão simplista de um mundo composto por países ricos e bem educados e países pobres e mal educados está ultrapassada.

Entretanto, o bom resultado educacional continua sendo um forte previsor do crescimento econômico, e o crescimento econômico tem relação direta com a melhoria na qualidade de vida.

Como olhar o Brasil do futuro tendo como base o ultimo resultado do PISA (Programa Internacional de Avaliação de Aluno)?

Alguém duvida que nosso sistema educacional freia o crescimento econômico e a melhoria da qualidade de vida?

Nosso pais, o mais “rico” do mundo (considerando o que a Amazônia representa para a humanidade) é um dos que menos sabe matemática (57o colocado entre 65 países avaliados)!

O resultado do sistema educacional, comprovadamente, não pode ser previsto somente pelo montante investimento, mas principalmente pela qualidade e utilização do investimento.

E ai reside nosso maior problema: Políticos incompetentes, corrupção e uma sociedade apática e não engajada na melhoria da educação alimentam o baixo desempenho dos alunos, retardam a melhoria da qualidade de vida e a manutenção do status quo.

Pais, professores e gestores não tem o direito de se omitir.

Educação de boa qualidade é a base para um futuro melhor.

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Meu querido Blog: estou de volta!


Meu querido Blog: estou de volta!

Fui obrigado a tirar férias. Foram 30 dias sem escrever uma linha...

Que falta me fez não ter controle do meu próprio tempo.

É muito triste ser conduzido pelo sistema e não conseguir nem ao menos olhar para o céu e dizer: “hoje vou fazer nada”...

Felizmente, ontem consegui fazer 50 Km de terapia... Minha terapia é rodar com meu triciclo junto com a Marlene... Sentir o prazer indescritível de andar de triciclo... Sem vínculos com qualquer grupo, sem compromisso de chegar a algum lugar, sem hora marcada... Como diria Caetano: sem lenço, nem documento...

Não foi muito, mas o suficiente para sentir como é bom ter tempo para fazer as coisas que amamos!

Como é bom ter o privilégio de poder “não ter que entregar algum produto do nosso tempo” ou “não ter que justificá-lo para quem quer que seja”.

Como é bom ser livre...

Abri um prosecco Nino Franco para comemorar!

Querido blog, acho que estou de volta...

Declare seu compromisso com o futuro

Sugestão para reflexão:

Assista novamente o vídeo:


Assuma o compromisso pessoal:
http://www.fouryearsgo.org/commit/

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

domingo, 24 de outubro de 2010

DEFESA DA DEMOCRACIA

COLEGAS,

A situação é grave.
Não se trata de uma questão partidária.
Não importa quem disse, mas o que foi dito.

sábado, 23 de outubro de 2010

Gangs, suas tribos e o arco-íris.


Com o coração batendo cada vez mais rápido e o ódio crescendo a cada passo, gritávamos palavras de ordem contra o suposto inimigo... Estávamos em transe... Estávamos sendo preparados para o ataque... Éramos nós ou eles! Os inimigos eram a causa de todo o mal. Tínhamos que destruí-los. A verdade estava do nosso lado...

Nada mais importava. O ódio me alimentava. O sentimento de querer destruir o inimigo me dava força e preenchia a falta de significado para minha vida. Me sentia forte. Me sentia feliz por fazer parte desta luta contra o mal!

Por uns instantes estava feliz: tinha um porquê!

O efeito da droga não foi tão duradoro desta vez: “Meus Deus, que faço aqui?”

De repente me vejo de cara pintada, dançando ao som hipnótico do batuque e do inebriante grito de guerra liderado pelo grande “cacique”...

Por muito pouco não sou conduzido pela tribo e por este ritual hipnótico para lutar contra o suposto mal de todos os males, o outro partido!

Me senti como um selvagem num ritual de guerra: Um primitivo alucinado sendo induzido pelo batuque hipnótico da internet e pelas drogas oferecidas pelos “pajés” detentores das porções mágicas da comunicação eletrônica...

Não, isto não é prá mim...

Agora, passado o efeito da overdose da mais ‘pura’ TV batizada com blogs, twits, videologs, broadcasting e resultados de pesquisas pseudocientíficas, me sinto deprimido com toda esta “animosidade” dos petistas e psdebistas em transe, se atacando dentro de minha casa...

Como somos primitivos! Como podemos ser tão limitados e ver o mundo monocromático!

A história que meu avô contava dos vermelhos contra os azuis era verdadeira?

Tá chovendo.

Olho para fora, vejo um arco-íris.

Sinal de esperança?

sábado, 16 de outubro de 2010

Dilma, Líderes e a Credibilidade
















Muito interessante a capa da Veja desta semana. Retrata um tema vital para quem pretende ser líder e presidente de uma nação: Credibilidade.


Li recentemente um poema anônimo que expressa muito bem este assunto:


Cuidado com seus pensamentos, eles se tornarão suas palavras.

Cuidado com suas palavras, elas se tornarão seus desejos.

Cuidado com seus desejos, eles se tornarão seus hábitos.

Cuidado com seus hábitos, eles se tornarão seu caráter.

Cuidado com seu caráter, ele se tornará seu destino.


Gestores deveriam ter mais cuidado ao expressar seus pensamentos.

Como confiar em quem não é consistente em suas convicções?

Como confiar num gestor que muda de posição ao sabor da conveniência?

Kouses e Posner no livro “Credibility” mostram que as principais características dos líderes mais admirados são (nesta ordem):


1- Honestidade

2- Visão de futuro

3- Inspiração

4- Competência


Em praticamente todas as pesquisas realizadas, em diversas partes do mundo, honestidade foi selecionada como o mais importante atributo do líder. Se as pessoas vão seguir alguém, a primeira coisa que querem saber é: “A pessoa é ética e confiável?”. As pessoas precisam saber onde estão pisando...


O líder ideal é aquele que fixa e define uma visão. É aquele que expressa com clareza um senso de direção e está sinceramente preocupado com o futuro.

As pessoas admiram os líderes que são dinâmicos, entusiasmados, otimistas e prá frente. Não basta ter sonhos sobre o futuro. Eles precisam saber se comunicar de maneira a encorajar as pessoas a trabalhar duro para atingir o objetivo. Precisam inspirar as pessoas.


Competência é o 4º atributo dos líderes mais admirados. Eles precisam demonstrar que são capazes de fazer as coisas acontecerem.


Dilma pode até ser muito competente, mas se envolveu em tantos casos polêmicos que não inspira confiança. Ela não tem o carisma de Lula e por isto seus deslizes não serão perdoados e esquecidos com tanta facilidade como os de Lula. Dilma não traz nada de novo. Se apóia na imagem do Lula. Não consegue inspirar as pessoas a lutarem pelas mudanças que este país tanto precisa.


Ser a escolhida de Lula a capacita ao cargo de Presidente do Brasil?

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

2o Turno : qual será a posição de Marina e seus admiradores?


Contrassenso seria apoiar o PT.

Marina saiu do partido, após anos de dedicação, por perceber que certas alas do PT não estavam alinhadas com seus valores.

O PT de Dilma, o PT de Zé Dirceu não merece o apoio de quem tem princípios.

OS FINS JUSTIFICAM OS MEIOS?

CLARO QUE NÃO!!!!

Infelizmente, o PT, o partido que chegou a ser a esperança de renovação, de dignidade na política, deixou um rastro de histórias não esclarecidas:

a morte do prefeito Celso Daniel, o Valerioduto, Duda Mendonça, Palocci, Bingos, Correios, Telemar de Lulinha, Lula usando seu cargo de presidente de todos os brasileiros para criar e eleger Dilma e etc etc.

O PT virou um partido como qualquer outro.

MARINA TEM CREDIBILIDADE.

Marina simboliza a esperança de algo novo.

Ela não pode matar a esperança de milhões de pessoas apoiando a Dilma Dirceu...

MARINA NÃO PODE SAIR DO CENÁRIO POLÍTICO.

Precisa crescer para fortalecer sua candidatura em 2014.

COMO? Não sei.

Mas, apoiar Dilma é matar nossa esperança de que existem políticos que lutam por uma causa que não seus próprios interesse$.

VOTAR NULO É ELEGER A DILMA.

Não dá para ficar em cima do muro!

DOS MALES O MENOR. E este é Serra...

sábado, 18 de setembro de 2010

Web Vídeo e a disseminação do conhecimento


Fernando mandou notícias.

Está mais otimista: “Vou conseguir concluir meu trabalho muito antes do imaginava. Tem uma revolução acontecendo e eu não havia me dado conta...”.

Segundo ele, a “Web Vídeo” permitirá a disseminação do conhecimento de forma revolucionária: São mais de 8 milhões de horas de vídeo no Youtube, por dia!

“Aqui, no agreste Maranhense consigo mostrar, via web, um vídeo israelense de como construir um processo de irrigação extremamente simples e viável... A informação está disponível e de graça”.

“Você já viu como as pessoas estão mostrando suas competências via web? São dançarinos, esportistas, inventores, pessoas com dotes especiais, todos agindo como professores...”.

Fernando tem razão. As pessoas trocam informações, aprendem e acabam ensinando... A WEB VIDEO é uma revolução que está acelerando o desenvolvimento de competências e tecnologias!

Professores se cuidem! Uma nova era chegou para mudar: O conhecimento de muitos para muitos, graças à web vídeo. Não dá para ignorar.

COMO VOCÊ ESTÁ USANDO A WEB VIDEO PARA SE TORNAR MAIS EFETIVO?

Estamos em ano eleitoral, tem muita gente aborrecida e desanimada por causa da mentalidade “aqui e agora”.

Mentiras, intrigas, violações... Nada passará despercebido pela grande maioria dos eleitores (o que não acontece hoje). A próxima eleição será muito diferente... Com a tecnologia não será mais possível enganar tanta gente por tanto tempo. Troca de voto por combustível, nem pensar... Deputado com Ferrari, fazenda ou mansão de origem duvidosa estará no Youtube... A web provocará muito mais mudança do que qualquer outro meio de comunicação!

Manutenção do horário eleitoral gratuito? Ridículo! Visão controladora e castradora que será rejeitada pelo próprio eleitor por não ter impacto algum na sua decisão. A web imperará livre e soberana. Candidatos ignorantes, despreparados e demagogos serão desmascarados e ridicularizados em web vídeos...

Alunos e futuros eleitores não percam a esperança. A web vídeo é a maior revolução desde a invenção da pólvora! A mediocridade não sobreviverá!

sábado, 11 de setembro de 2010

O Caminho de Pedro, Pieterpad, é somente um deles...


Nunca chegaremos lá!

“Somos maiores, temos mais atrações naturais e muita coisa bonita para ver... sem contar a diversidade regional... porém, imagine o que seria caminharmos sozinhos pelo cerrado, pela mata atlântica, pelo pantanal ou pela floresta amazônica...”.

Marlene não parava de fazer comparações, enquanto fazíamos Pieterpad (O Caminho de Pedro), uma das 38 trilhas de longa distância para se percorrer a pé, na Holanda.

Todas excelentemente sinalizadas e documentadas!

Cada trilha tem seu livro-guia de aproximadamente 180 páginas, com mapa detalhado, pontos interessantes, restaurantes e locais recomendados para hospedagem. De campings a pequenos hotéis, incluindo as “guests houses” (casas de famílias cadastradas que recebem os “andarilhos” e oferecem café da manhã). Tudo com o padrão holandês de organização!

Pieterpad, que tem 488 km, cruza o país de Norte a Sul. Trecho plano que não oferece dificuldade, mesmo para aqueles que não estão acostumados a longas caminhadas. Um passeio magnífico e inesquecível.

Para se conhecer a verdadeira Holanda, a recomendação é que se faça esta trilha em 27 dias hospedando-se em “guest houses”. Não há motivos para se preocupar com a segurança ou com o risco de se perder. O trajeto é bem sinalizado e fartamente documentado pelo livro-guia da Nivon, infelizmente, só disponíveis em holandês...

Numa terça-feira nos hospedamos num sobrado de um casal de quase 80 anos. Na parte de cima ficavam os 2 quartos que eles alugavam para os caminhantes. No corredor, entre os quartos, havia uma mesinha forrada com uma toalha branca rendada e ao lado uma geladeirinha. Sobre a mesa alguns muffins, chocolates, um abridor, uma lista de preços e uma caixinha de madeira com moedas.

A ideia era você se servir de cerveja, água ou refrigerante da geladeira, ou das guloseimas sobre a mesa, verificar o preço na lista e deixar o dinheiro na caixinha. Se precisasse havia moedas para o troco...

Eles nos deram a chave da porta da sala, caso quiséssemos sair e chegar tarde, pois dormiriam às 10 da noite. Observação importante: Nunca tinham nos vistos. Éramos 2 mochileiros, brasileiros, fazendo Pieterpad...

“Vocês estão convidados para tomar café conosco amanhã às 8horas da manhã...”.

Ficamos em muitas “guest houses”. Cada uma com sua história. Numa delas nosso anfitrião (também idoso) era observador e estudioso de pássaros. Tinha no hall, uma estante, com dezenas de esqueletos de pequenas aves que nos foram, detalhadamente, apresentados...

Em outra dormimos numa cama de madeira com dossel, tipicamente holandesa do século XVII, feita pelo proprietário... Mais parecia um berço gigante, uma caixa com portas laterais...

Em outra subimos no telhado, a convite do proprietário, para observar o vilarejo...

Marlene acredita que nunca chegaremos ao estágio em que estão.

Sou otimista, mas sinceramente, também vejo que perdemos o bonde da história. Crescemos demais sem investir em educação. O pior é que continuamos a não entender a importância da educação para o desenvolvimento e melhoria da qualidade de vida.

Os escândalos em nossas instituições públicas, mostrados diariamente pela mídia, só confirmam que nossos valores se deterioram ano após ano.

Nossos políticos demagogos, comediantes e cínicos, frutos de uma sociedade subdesenvolvida, são patéticos.

Pastores e templos caça-níqueis se proliferam na velocidade do crack.

Em quem confiar?

Quando, no Brasil, um casal de idosos que mora sozinho poderá receber, com tranquilidade, 2 mochileiros desconhecidos?

Para o Brasil se desenvolver, de fato, é preciso mudar seus políticos pelo voto popular. Infelizmente, temos muitos eleitores “cegos” e alienados para isto acontecer... Eu, só vejo a Marina Silva, como digna de receber meu voto para Presidente. O resto é farinha do mesmo saco. É continuidade!!!

sábado, 4 de setembro de 2010

Ética ou Murro em ponta de faca? Eis a questão.

Marisa, minha secretária do lar (empregada doméstica para muitos) me falou que não adianta “dar murro em ponta de faca”. Ela disse que “perdeu as esperanças”, que “não tem mais ilusão”, não acredita que exista político honesto e bem intencionado no Brasil... A reportagem da TV Bandeirantes mostrando os políticos na Suécia reforçou suas crenças... “Só voto porque sou obrigada”...

Paulo Cesar, aluno de MBA, numa discussão sobre ética empresarial, disse que quando estiver no poder não abrirá mão das “benesses” pagas por fornecedores... “Quando chegar minha vez, você acha que eu vou agir de forma diferente? Se o fizer, não sobreviverei! É o sistema...”.

Catarina, funcionária de uma grande prestadora de serviço para empresas públicas e privadas, disse que o mesmo produto tem preço diferente dependendo de quem o compra. “Perguntei, por quê?” Ela respondeu o que todo mundo sabe... Ninguém em sua sala de aula mostrou indignação...

Fátima contou que anos atrás, a caminho de São José, foi parada por um guarda de transito. Sua carteira estava vencida. Para se livrar da multa, “molhou” a mão do oficial. Não sentiu nenhum constrangimento em contar o fato...

Segundo Padre Lourenço, amigo de minha mãe, pequenos gestos relevam nosso caracter.

Maluf afirmou, com convicção, que não tinha dinheiro no exterior. A Interpol questiona. Quem mentiu?

Dilma disse, com convicção, que não se encontrou com Lina Vieira, ex-secretária da receita federal, naquele episódio do processo contra o filho do Sarney. Lina desmente. Quem falou a verdade?

O mesalão do PT nunca existiu? A queda do Dirceu foi armação da oposição?

A morte do prefeito Celso Daniel foi crime comum? Se é verdade, porque Bruno José Daniel Filho, um dos irmãos de Celso Daniel, e sua mulher, Marilena Nakano, vivem no exílio como refugiados políticos reconhecidos pelo governo francês?

Como Deus é Brasileiro e, no fim tudo dará certo, os escândalos, as notícias sobre violência e corrupção parecem que não nos dizem respeito... Nada disto tem haver com nosso voto.

Marisa, como tantos outros brasileiros, perdeu a capacidade de se indignar. Acredita que não dá para mudar o sistema. Por ignorância segue o efeito manada.

O resultado?

Um país de todos... corruptos, ladrões, assassinos, mentirosos, ignorantes, alienados, também de alguns sonhadores e pessoas do bem.

Marisa, não podemos desistir.

Por isto, meu voto é Marina Silva.

quinta-feira, 2 de setembro de 2010

Casca de amendoim atrasa o Desenvolvimento do Brasil

Fernando me contou que participou, em Mogi das Cruzes, de uma competição de natação onde estavam presentes alguns atletas da Universidade do Texas.

“Eu era um jovem ignorante e não sabia...”.

“Ao observar um americano comendo amendoim e colocando as cascas no bolso do blusão, eu pensei comigo mesmo: Este cara deve ser louco. Porque não joga no chão? Tá sujo, mesmo... tem até resto de sanduiche na arquibancada, que diferença faz uma casca de amendoim a mais?”.

“...Este evento marcou minha vida para sempre. Hoje, depois de 40 anos, ainda vejo o americano guardando as cascas no bolso do agasalho e depois da competição, jogando as na lata do lixo...”

“Aquela cena foi o meu despertar para o significado de cidadania. Acabou com minha arrogância tupiniquim... Senti-me cidadão de um país subdesenvolvido”.

Fernando, infelizmente, não mudamos muito! Continuamos um país de ignorantes que continuam jogando “cascas de amendoim no chão” por que todo mundo faz isto...

Se eles podem, porque eu também não posso?”.

Esta nossa visão subdesenvolvida de que uma “casca de amendoim” não significa nada perante o “lixo que vemos espalhado pelas nossas instituições” gera acontecimentos como jovens parando em vaga de idoso, políticos fraudando licitações como em Dourados, panetones do Arruda, Mensalão do PT, quebra do sigilo dos dados da Receita, gastos absurdos com horas-extras pelo Congresso, eleitor alienado votando em tiriricas...

Convivemos com tanto “lixo” que acreditamos que nos tornaremos um país desenvolvido, mesmo praticando o princípio que uma “casca de amendoim a mais, num chão sujo, não muda nada...”.

Acorda Brasil.

Tá na hora de remover o entulho criado pelo nosso próprio voto.

Não podemos continuar dormindo eternamente... O berço é esplendido, mas está poluído, imundo, nojento, por nossa causa...

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

sábado, 28 de agosto de 2010

MINHA CANDIDATA

Fernando rompeu o silêncio.

Continua no sertão do Maranhão comprometido com seu trabalho voluntário. Ligou pra reclamar que eu não manifestei meu apoio explicito a Marina Silva... Nem perguntou se eu estava bem, foi logo ao ponto: “MARINA é a única candidata descente a presidente deste país... a opção das pessoas esclarecidas e do bem...”

A estranhíssima invasão dos dados da Receita Federal foi o pingo d água para ele... “não aceito de forma alguma o princípio de que ‘os fins justificam os meios’ ”.

Com a inocência de um elefante na loja de cristais disse que tem “ânsia de vômito só em ver Dilma”. E questionou: “se não fosse a figura do Lula, quem votaria em Dilma, além dos petistas de carteirinha”? E continuou sem esperar a resposta: “Dilma me passa um ar de arrogância ditatorial e não tem um milésimo do carisma e jogo de cintura de Lula. Se é assim como candidata, como será como presidente?”

“... e o Serra? Com toda sua história de vida política aceitou, como vice, um político questionável e fez alianças incompatíveis com sua pregação... No Brasil, os principais partidos políticos, quando no poder, estão centrados nas mesmas práticas. Dá para dizer que PT, PSDB e PMDB são muito diferentes?

“Fernando eu concordo com você...”

Não consegui terminar minha frase. Tive que escutar um monte. Talvez por causa do seu isolamento ou por causa do tempo que não nos falávamos ao telefone ou porque “estava cercado de pessoas semi-analfabetas que não queriam perder o seu voto”, ele queria mesmo era desabafar!

Meu caro Fernando, quando você ler este saiba que eu estou com você. O Brasil precisa de um modelo de referência como presidente. Alguém que além de ser e parecer honesto aja com dignidade, alguém que NÃO seja tolerante com “os fins justificam os meios”.

O Brasil precisa de um presidente de princípios, que respeite a lei, que não faça demagogia e cortesia com o dinheiro do povo. Um presidente com coragem para demitir seu assessor publicamente se este propuser: “Vamos fazer o que for preciso para que fulano de tal não vença a...”.

Meu avô dizia que o ditado: “Me diga com quem andas, que eu te direi quem és” foi feito especialmente para conhecermos os políticos...

SOU MARINA SILVA. Ela é a candidata que melhor representa as pessoas do bem.

O BRASIL SOBREVIVEU A TANTOS DEMAGOGOS E CORRUPTOS e COM CERTEZA, SOBREVIVERÁ A UMA PRESIDENTA HONESTA E DE PRINCÍPIOS.

VOTE SEM MEDO!

sábado, 21 de agosto de 2010

Tiririca, a Mulher Pera e a Irresponsabilidade Nacional

Que país é este?

Que raio de papel tem os partidos na homologação de seus representantes num processo eleitoral?

Por que aprovam candidatos com slogan tão medíocre?

Na minha opinião, por um simples motivo:

“ESTES PARTIDOS ESTÃO CONVICTOS QUE O ELEITORADO BRASILEIRO É IGNORANTE.

Eles acham que o eleitor não sabe votar. Pensam que o eleitor está tão desiludido com os políticos que qualquer coisa serve; Pensam que o eleitor acredita que político é tudo a mesma M... então, o negócio é apelar pra chamar atenção”.

Me magoa saber que tem quem vota nestes partidos, alimentando assim, a percepção de que o eleitor é realmente ignorante.

Vendo o respeito do nosso presidente às leis, assistindo o horário eleitoral gratuito, vendo a presença de Quércia ao lado de Serra, a possibilidade da Dilma levar logo no primeiro turno, a piada que virou a campanha de Plínio de Arruda Sampaio, Roriz e Maluf fazendo campanha e o slogan de Tiririca começo a duvidar se o povo brasileiro sabe votar...

SE tivéssemos um mínimo de Brasilidade, o povo simplesmente boicotaria, não só, os candidatos despreparados, os fichas suja, os demagogos e os fichas limpa que enriqueceram rapidamente, mas principalmente, os PARTIDOS que acolhem estes candidatos...

Cada povo tem o representante que merece. Seu representante espelha seus valores, pois foi escolhido pelo povo e veio do seu meio.

Nosso querido Brasil, em breve será a quinta nação mais rica do mundo. Não tenho dúvida disto. Porém, pela qualidade dos candidatos designados pelos partidos para concorrerem a cargos tão importantes como o de deputado, senador e presidente da república, sinto que precisaremos de muitas décadas para nos tornarmos um país de primeiro mundo.

Nosso principal problema não está no eleitor alienado que não sabe votar. Nosso problema está na elite oportunista que escolhe candidatos para manter o ‘status quo’ de um povo politicamente desinteressado...

A lei de Gerson, a corrupção, a ignorância, a violência e a aceitação do “rouba, mas faz” prevalecem porque a elite política, conscientemente, alimenta o pior da nossa cultura para seu próprio benefício.

NÃO EXISTE CRIME MAIS VERGONHOSO QUE UMA LIDERANÇA OMISSA!

Cuidado, dizem que Deus é Brasileiro...

domingo, 15 de agosto de 2010

Brasil, o melhor país do mundo


Era um domingo ensolarado de céu azul. Eu estava pilotando minha Caloi há quase 1 hora quando resolvi parar no Parque do Ibirapuera para tomar um pouco d’ água e descansar no lado sul do lago.

Não tinha pressa. Meu velho mp3 Sony de 8 gigas tinha música suficiente para me acompanhar até o Parque Villa Lobos e de volta até Santo André.

Deitado lá, na grama, olhando as nuvens brancas que lentamente formavam figuras recorrentes da minha infância, pensei comigo mesmo: “Isto é que é viver. Como é bom morar no Brasil. País de primeiro mundo é outra coisa”.

Nossa Prioridade Nacional é a Qualidade de Vida. Objetivo claro e desdobrado! Do presidente a mais humilde empregada doméstica, todos sabemos o que queremos como Nação: Qualidade de Vida através da Educação!

Na Argentina eles falam que Deus é Argentino. Aqui, nós falávamos com orgulho: “Deus criou o mundo, e nós, Brasileiros criamos este Brasil Brasileiro, lindo e trigueiro”.

Somos invejados por todos os países do mundo.

Nosso seguro desemprego chega há 4 anos (claro que obedece a critérios preestabelecidos. Aqui as leis funcionam e todos recebem tratamento justo)... Nosso IDH é 0,985, o terceiro melhor do mundo... Criminalidade extremamente baixa... Respeito à vida e ao meio ambiente... Um paraíso... O país com a maior extensão de ciclovias do mundo!

Somos o que somos porque fizemos acontecer. Mais do que ninguém, nós Brasileiros sabemos que um País é resultado do trabalho de construção consciente de seus cidadãos. Multiplicação dos pães só na bíblia... Aqui trabalhamos duro e com foco. Não temos ilusão e nunca acreditamos num salvador da pátria, como os irmanos...

Senadores corruptos e presidentes demagogos de outros países são motivo de piada entre nós... Sentimos uma mistura de pena e desprezo pela ignorância reinante nestes países. Será que as pessoas não acordarão nunca?

Será que não percebem como são sendo manipulados? Que valores são estes que aceitam o “rouba, mas faz”, “a lei de Gerson”, “cada um para si e Deus para todos”? Será que não enxergam o absurdo que é pagarem imposto de primeiro mundo e receberem serviços de país subdesenvolvido? Ninguém questiona porque seus senadores estão entre os mais caros do mundo e os que menos produzem?

Ainda bem que vivo no Brasil!

Aqui tudo é diferente.

Não culpamos os outros, nem o governo pelas coisas que deixamos de fazer.

Sentimo-nos responsáveis: isto aqui é nosso e nós ajudamos a construir...

De repente acordo. Havia adormecido na grama do Ibirapuera. Olhei para o lado. Minha Caloi havia sumido...

sábado, 7 de agosto de 2010

Dia dos Pais


Amanhã é um dia especial. Para alguns...

Infelizmente, nem todos conseguem entender a importância de ser o responsável por dar continuidade a sua espécie.

Acreditam que a opção pela reprodução é um acontecimento "natural". Não pensam o suficiente a respeito do assunto, das consequências para sua vida e para a sociedade, não refletem o suficiente sobre sua responsabilidade de reprodutor e, principalmente de provedor de bem estar e qualidade de vida para o novo ser.

A opção pela reprodução, num futuro próximo, assim espero, deixará de ser encarada como um acontecimento "normal". A opção deverá ser conscientemente analisada e no mínimo, passar por um checklist orientativo.

Ser pai é um privilégio, que nem todos merecem.

Não estou falando em cercear a liberdade das pessoas ou estabelecer qualquer sistema de controle externo. A opção de ser pai é, e sempre deverá ser pessoal. Estou falando em educar. Estou falando que deveríamos ter instrumentos de auto-avaliação para estimular os jovens a refletirem sobre a abrangência do tema.

A demagogia política e a ignorância religiosa fazem com que casais extremamente pobres tenham muito mais filhos do que poderia ser considerado "humano". Quando visitamos países pobres da África ou favelas pelo Brasil não dá para questionar: ser Pai é um privilégio. Ser um reprodutor inconsequente é DESUMANO.

terça-feira, 27 de julho de 2010

Abraços para um mundo melhor


Como o mundo seria melhor se as pessoas se abraçassem mais.

Essa é a idéia da turma do "FREE HUGS".

Faça uma experiência.

Por 2 semanas expresse, diariamente, sua gratidão, sua apreciação, seu amor através de um abraço!

Abrace seu (sua) companheiro (a), seus filhos, seus amigos, seus pais. Abrace quem precisa ou merece ser reconhecido. Sem receios. Com vontade. Sem restrições.

Você se sentirá melhor e ajudará a melhorar o mundo a sua volta.

Os melhores abraços que recebi até hoje foram da Marlene e da família Silva. Grandes abraços. Sinceros. Fortes. Silenciosos. Emocionais (sou grato por isto).

Quanto recebemos simplesmente dando um abraço... Um gesto tão simples, mas tão poderoso...

Abrace esta causa!

quarta-feira, 21 de julho de 2010

País desenvolvido é outra coisa...


O Brasil precisa crescer de forma consistente.

Muitos políticos e grande parte da população ficaram deslumbrados com a forma com que o Brasil passou pela crise. Apesar de estarmos melhor do que há 8 anos, não fizemos o que deveríamos ter feito. Continuamos cometendo os mesmos erros de sempre. Nos enganando.

Estamos longe de ser um país desenvolvido.

Para mim, desenvolvimento deve ser entendido por qualidade de vida.

Em vez de pouparmos para investir em educação e infraestrutura, gastamos mais e mais. A opção do governo (executivo e legislativo) é consumir hoje e pagar o preço da irresponsabilidade amanhã... Afinal, Deus é brasileiro, Lula é o cara e no fim dá tudo certo...

A visão de mundo do goleiro Bruno e as consequências das ações de seus valores distorcidos não podem ser vistas como um fato isolado. Nosso presidente da República, que deveria ser o guardião maior dos valores éticos, permite-se burlar o sistema eleitoral. Nossos políticos ("ficha limpa"?) agem irresponsavelmente aprovando aumento de despesas acima da receita. O cidadão educado acha que beber e dirigir, burlar a declaração do IR e comprar filme pirata ou mercadoria contrabandeada não é crime. O morador da favela acha que jogar garrafa PET no rio não é problema. O aluno acha que colar na escola não é um ato grave de desonestidade.

Infelizmente, tudo está ligado ao exemplo de nossos líderes e dirigentes.

Um pai que fuma não tem moral para proibir o filho de fumar.

Tudo é possível neste país. Ninguém se sente responsável ou culpado, pois o "problema" causado pelo outro é sempre maior que o meu. Nossa cultura da "permissividade", do "jeitinho", do "me engana que eu gosto", do "conchavo", de "uma mão lava a outra", de "não mexe comigo que eu não mexo com você" não vai levar ao desenvolvimento, a qualidade de vida.

Precisamos mudar! Como? Sendo o mudança que queremos ver.

Sobre o significado da foto acima:

Toda vez que viajo para o exterior sinto como nós, brasileiros, temos lição de casa para fazer.

Na Alemanha percebi que não havia garrafas PETs (de água e refrigerantes nas cestas de lixo das cidades que visitei). Encontrei cestos para coleta de lixo reciclável (papel, vidro, orgânico) mas, não para plástico. Depois descobri que quando você compra uma garrafa d'água de 500 ml por 1,75 euros, você está pagando 0,25 euros pelo vasilhame. Ao devolvê-lo você recebe seus 0,25 centavos de volta. Em muitos locais, você coloca a garrafa numa máquina, que lê, o código de barras da garrafa e emite um "vale"...

O significado por trás desta ação não é só financeiro. Retrata os valores desta sociedade para com o meio ambiente... E isto é só um pequeno exemplo...

quarta-feira, 30 de junho de 2010

Educação, a explosão silenciosa

A "explosão do conhecimento" terá um impacto muito maior sobre a humanidade do que a bomba atômica...

Este não parece tema de discussão para a tarde de sábado em que os EUA enfrentaram Gana nas 8as de finais. Especialmente num barzinho mas, aconteceu: Walter apareceu... e entre uma cerveja e outra, começamos a falar sobre o desempenho das equipes africanas na Copa. Em pouco tempo, a conversa desviou-se para corrupção, miséria e ignorância ("o mal de todos os males" segundo Walter).

A CNN anunciou, há 2 semanas, que os americanos descobriram, no Afeganistão, jazidas de lítio, cobalto, níquel, ouro, cobre e ferro avaliadas em mais de 3 TRILHÕES de dólares.

Nada disto será revertido para o povo afegão, em termos de qualidade de vida, se a 3a bomba de Einstein, a bomba do conhecimento, não for lançada por lá.

Enquanto o fanatismo religioso medieval ditar as regras nada mudará...

O simples acesso irrestrito à internet em todas as escolas dos países sub-desenvolvidos provocaria mais mudanças do que as centenas de bilhões de dólares que são gastos em guerras e repressão ao terrorismo...

OS AMERICANOS ESTÃO USANDO AS BOMBAS ERRADAS...

Nossa visão de mundo determina nossas ações.

Enquanto, os gestores (de todos os níveis e de todas as Instituições) não entenderem que é através da Educação que tornamos HUMANO, o comportamento das pessoas, continuaremos no atual "business as usual": 2 passos pra frente e 1 pra trás. Intercalado, de tempos e tempos, com 1 prá frente e 2 para trás...

Nós temos um exemplo digno de nota aqui no Brasil. Escola Cícero Dias em Pernambuco.

SE TODAS AS NOSSAS ESCOLAS TIVESSEM ESTE NÍVEL DE QUALIDADE, O BRASIL SERIA O PAÍS MAIS RICO E FELIZ DO MUNDO.

Estamos em ano de eleição. Excelente momento para rejeitar os fichas sujas (inclusive os fichas manchadas ou duvidosas) e pressionar os fichas limpas por uma educação de qualidade.

O vídeo fala por si: http://www.youtube.com/watch?v=SwxZkVkQj-E&feature=player_embedded#!

quinta-feira, 24 de junho de 2010

Por que as equipes fracassam?

Quem disse que não aprendemos sobre gestão de pessoas com o futebol?

Os 2 principais motivos do fracasso no trabalho em equipe são:

FALTA DE SUPORTE GERENCIAL

e

LIDERANÇA FRACA

O time da França que o diga.

sábado, 19 de junho de 2010

Irresponsáveis e inconsequentes quase deuses


Vazamento de 9 milhões de litros petróleo POR DIA, há quase 60 dias... Que desastre histórico!

O pior: os planos de contingência das petrolíferas são documentos fantasiosos, um “me engana que eu gosto” segundo muitos americanos... O acidente na plataforma da BP no Golfo do México confirma esta tese.

Alheio a tudo isto, nossos políticos brigam para definir a partilha dos lucros do pré-sal. Os riscos e eventuais danos causados aos estados produtores, em caso de acidente, não foram considerados na definição da partilha...

Um fundo de reserva para eventuais desastres está sendo considerado?

A Petrobrás terá um plano de contingência realístico e factível ou adotará um plano fantasioso e irresponsável como a BP?

O investimento de centenas de bilhões de dólares é garantia de tecnologia segura?

Infelizmente, vamos pagar para ver!

DILMA, SERRA OU MARINA SILVA?

O que aconteceria se o Brasil fosse governado por Dilma, Serra ou Marina Silva? A corrupção, o combate a criminalidade, o comprometimento dos funcionários públicos, o investimento em educação e o crescimento econômico seriam diferentes?

Existem diferenças, concretas, reais, não as ideológicas, entre os partidos que eles representam que justifique votar em um ou outro candidato?

Qual dos 3, Dilma,Serra ou Marina, representa o melhor do povo brasileiro?

Qual dos 3 candidatos inspira mais confiança?

Qual dos 3 tem menos "rabo preso" que o permitiria liderar um processo de mudança?

Tá difícil escolher?

Acho que não. Basta ser brasileiro alinhado com propósito de ver este país deixar de ser o país do futuro e iniciar sua jornada para o crescimento moral e social.

O futebol, a estatística e a convergência mundial


O primeiro mundo e o mundo em desenvolvimento convergem para uma situação social mais próxima uma da outra. O impossível será possível.

As diferenças tendem a diminuir, não só no futebol... Alemanha 0 x Servia 1 ...

A projeção de dados de mortalidade infantil, longevidade e escolaridade confirmam este fenômeno. A melhoria da qualidade de vida e a redução das diferenças sociais entre países é uma tendência real (ao contrário do que os pessimistas acreditam...).

Os dados também mostram que um grande número de países africanos vão evoluir, infelizmente como no futebol, muito lentamente...

Confira a evolução dos dados na palestra do pesquisador Hans Rosling:

http://www.ted.com/talks/hans_rosling_reveals_new_insights_on_poverty.html

Pena de morte por fuzilamento em Utah


Walter me ligou para perguntar sobre a repercussão do fuzilamento do prisioneiro americano Ronnie Lee Gardner, condenado a morte.

Respondi que por aqui a mídia não deu destaque ou explorou o tema em profundidade. Somos bombardeados diariamente por tantos crimes bárbaros que a morte de um condenado não comove ninguém. Deixamos de perceber quão violenta é nossa sociedade. Efeito da síndrome do sapo fervido.

Enquanto por aqui acontece um crime a cada 20 minutos, no Japão acontece um a cada 2 semanas...

Somos o país da fartura e do desperdício. Somos o país dos contrastes, o país da impunidade, o país do “o problema não é meu”, o país do futuro...

Como dizem os americanos: A “lama” rola morro abaixo (o exemplo vem de cima).

Quem sabe, agora com a “ficha limpa” a role menos "lama" e os “eleitos” comecem a cumprir o seu papel de liderar (de fato) este país para o primeiro mundo da moral e da ética. Quem sabe, em 3 ou 4 gestões, a morte de um prisioneiro seja motivo para sérias reflexões e discussões nos nossos telejornais...

quinta-feira, 10 de junho de 2010

Água engarrafada, privilégio ou sacrilégio?

Outro dia assisti um documentário interessante feito em Nova York: A água mineral é mais "saborosa" que a água da torneira? Por que esta "aversão" à água encanada?

Sabe qual a conclusão? A grande maioria das pessoas não percebe a diferença no sabor. Cerca de 30%, no teste às escuras, disseram que preferem a água encanada!!!

Testes oficiais comprovaram que a água encanada de Nova York é de boa qualidade e que o "receio" da população não é justificável.

Mas, qual o problema de consumir água engarrafada?

Só nos Estados Unidos são consumidas, por ano, cerca de 30 BILHOES DE LITROS de água engarrafada, segundo a Beverage Marketing Coorporation. O que significa isto em GARRAFAS PLÁSTICAS? O que representa este desperdício de energia para produzir e transportar estas garrafas? Quanta energia é gasta para coletar e reciclar a sucata? Fiquei impressionado quando soube que um grande volume da sucata é exportado para a Índia efetuar a reciclagem!!!

Na Europa, o comportamento não é muito diferente.

Segundo o relatório "Progress on sanitation and drinking water - Update 2010" da World Health Organization e UNICEF, mais de 2,6 bilhão de pessoas vivem sem saneamento básico adequado. Estima-se que 884 milhões de pessoas, a maioria deles na África, não tenha acesso a água potável, cerca de 1.1 bilhão de pessoas fazem suas necessidades ao ar livre (a frase que consta no relatório é: "1,1 billion people practise open defecation"...)

Ecologistas americanos e europeus protestam por causa da poluição causada pelo descarte de centenas de bilhões de garrafas plásticas, enquanto parte significativa da humanidade sonha, quem sabe um dia, ter acesso a este privilégio (ou sacrilégio?) : água engarrafada!

segunda-feira, 31 de maio de 2010

O câncer, o relógio e a bússola

A notícia foi bombástica: minha amiga, L, está com câncer no estômago e se prepara para a 2a sessão de quimio no Sírio...

A informação, no primeiro momento, me causou uma profunda tristeza. Pensei no sofrimento que ela, o marido e o filho de 8 anos estão vivenciando. O tratamento é longo, doloroso e introspectivo. Felizmente, L é uma lutadora, tem muita força de vontade e não se deixa abater por qualquer coisa. Nesta situação, a vontade de vencer e de superar o problema são os outros 50% da cura. Motivos para lutar não faltam para L ... Como diria, Frankl, "quem tem um porquê, enfrenta qualquer como".

Depois, do primeiro choque, egoisticamente pensei em mim. Estou sendo guiado pelo relógio, cumprindo obrigações e deixando novamente a rotina ditar meus passos? Vou acordar um dia, mais enrugado ou doente e descobrir que deixei de fazer o que realmente poderia ter feito? Estou me desviando do meu norte verdadeiro?

Há alguns anos tomei consciência que a alegria está na jornada: Não existe ponto de chegada! Como disse Covey, a Bússola, e não o Relógio, deve direcionar nosso caminho. Sou grato por poder ter feito esta opção para definir minhas prioridades. Minha bagagem pessoal ficou mais leve, me livrei da ilusão do poder, de sentimentos menores e da insônia... porém, a inesperada situação de L me despertou para uma realidade que tenho medo de enfrentar neste trecho da jornada... a consciência do privilégio que é estar aqui e perceber a preciosidade que é poder sentir prazer em ver o azul do céu, a consciência do privilégio que é ter a capacidade de se emocionar até as lágrimas com Mozart, de poder andar de triciclo, sem compromisso, numa manhã de sol com quem se ama, me tornaram ainda mais apegado ao caminho... sei que vale a pena lutar. Por isto, L, estou torcendo por você.

quarta-feira, 26 de maio de 2010

Galápagos, Pinguins e o Futuro

Depois de meses sem notícias, acabo de receber um postal do Walter. Estava conhecendo as Ilhas Galápagos para pagar uma das promessas que fizera a seu pai.

Walter-pai há 40 anos viveu em Isabela por quase 2 anos. Contava histórias impressionantes de como era viver no paraíso. Dizia que encontrara um santuário da mais pura beleza natural. Galápagos representava, segundo ele, "a expressão do maior de todos os milagres: a vida... Foi lá que entendi o significado de harmonia e equilíbrio... Foi lá que senti como somos privilegiados por estarmos aqui e podermos ver, pensar, sentir e tentar compreender a complexa maravilha que nos abriga... Filho, me prometa que um dia você irá lá..."

"Luiz, antes não tivesse vindo. Minhas expectativas eram muito altas por causa do velho. O que ele viu está sendo destruído. Há 40 anos existiam menos de 4 mil habitantes espalhados pelas ilhas e apenas 2 veículos. Hoje são mais de 40 mil habitantes e muitos turistas... Meu pai me disse que existiam mais de 2.000 pinguins contabilizados, hoje menos de 500... A população da Terra mais que dobrou nestes últimos 40 anos... O aumento do consumo, a poluição e o desrespeito ao equilíbrio vão acabar com muitos sonhos... ".

Fiquei triste com o relato do Walter, mas é tarde demais para ser pessimista. Precisamos agir. Cada um no seu círculo de controle e de influência... o que temos está aqui, o que perdemos não volta mais...

quinta-feira, 20 de maio de 2010

Minha vida era uma roda viva

Fernando está 10kg mais magro, bronzeado, barbudo e feliz... "O tempo em São João do Carú passa lentamente. Até consigo admirar o azul do céu ... Finalmente tenho controle de minha vida. Nada de chefes, telefonemas, bolsa de valores... Descobri o significado do 'aqui e agora' e do 'no stress´".

Covey disse que as 4 necessidades humanas são: Viver, Amar, Aprender e Deixar um legado. Acredito que Fernando está em busca da satisfação da 4a necessidade.

Citou Bernard Shaw para justificar sua reclusão no interior do Maranhão: "Só quero morrer depois de ter dado o máximo de mim. Quanto mais me empenhar, mais viverei. O que me dá prazer na vida é a própria vida. A vida não é uma vela efêmera. É uma espécie de tocha suntuosa que herdei para conduzi-la e quero mantê-la o mais radiante possível..."

Este é o Fernando que sempre conheci. Sinto saudades suas meu amigo. Foram dois minutos de conversa que encheram meu dia de alegria.

Ah, se todas as velas brilhassem...